Novidades

Diretrizes Curriculares Nacionais para o ensino médio em estudo

Os rumos do cotidiano de estudantes do ensino médio, dentro e fora das salas de aula, estão abertos a discussão. Na próxima segunda-feira, o Conselho Nacional de Educação (CNE) recebe interessados em contribuir na elaboração do documento que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o ensino médio, com a previsão de ser homologado até o fim do ano pelo Ministério da Educação (MEC). Além de novos conteúdos que deverão integrar a organização curricular, resolução previamente elaborada pelo CNE traz ainda o reforço de que o ensino médio deve ter o foco não apenas na continuidade dos estudos — com o ensino de conteúdos previstos para serem cobrados nos vestibulares —, como também na preparação básica para o trabalho, na formação ética dos estudantes e na relação dos fundamentos científico-tecnológicos com a prática. "Reforçamos que esse é um texto em construção. O CNE já ouviu a opinião do MEC, de diversos especialistas, dos coordenadores estaduais do ensino médio. Mas antes de fechar o documento, em novembro, entidades e a população em geral devem opinar e contribuir com as novas diretrizes", afirma o relator do documento no CNE, José Fernandes de Lima.

As últimas diretrizes curriculares para essa etapa da Educação foram firmadas em 1998. A distância temporal do documento é uma das justificativas para a elaboração de uma nova resolução: "Desde as últimas diretrizes, a legislação relativa à Educação mudou bastante. A principal delas tornou a oferta do ensino médio obrigatória, e várias outras incluíram disciplinas que se tornaram obrigatórias no currículo. Com a inclusão de novos conteúdos, é ainda mais necessário reforçar que as Escolas devem ter autonomia na construção de um projeto político-pedagógico, respeitando particularidades regionais, sem seguir apenas orientações nacionais", diz o relator.

Entre os novos conteúdos previstos para integrar a organização curricular dessa etapa de ensino estão Educação Ambiental, diretrizes do Estatuto da Criança e do Adolescente, valorização do idoso, música e cultura afro-brasileira e indígena.

Para o secretário de assuntos educacionais da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, uma nova diretriz curricular deve ser implementada, ainda, em conformidade com a formação e capacitação dos profissionais envolvidos. "Não dá para pensar em reforma curricular sem a valorização dos profissionais, formação e carreira não podem ficar de fora do debate. Os três entes federados do estado devem se unir para garantir que os professores sejam capacitados para lecionar novos conteúdos, para que as redes estaduais consigam implementar as mudanças de forma concreta", defende Araújo.

Novas diretrizes

Segundo resolução do CNE, deverão integrar a Base Nacional Comum da organização curricular do ensino médio os seguintes conteúdos:
-O estudo da língua portuguesa e da matemática, o conhecimento do mundo físico e natural e da realidade social e política, especialmente do Brasil;
- O ensino da arte, especialmente em suas expressões regionais;
- A Educação física
- O ensino da história do Brasil, que levará em conta as contribuições das diferentes culturas e etnias para a formação do povo brasileiro, especialmente das matrizes indígena, africana e européia;
- Uma língua estrangeira moderna e uma segunda, em caráter optativo;
- Oferta da língua espanhola;
- A música como conteúdo obrigatório, mas não exclusivo, do componente curricular;
- O estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena;
- A Educação tecnológica básica
- A filosofia e a sociologia em todas as séries
- A Educação ambiental como uma prática educativa integrada
- Conteúdo que tenha como diretriz o Estatuto da Criança e do Adolescente
- Conteúdos voltados ao processo de envelhecimento, ao respeito e à valorização do idoso

Fonte: Blog Educação

  • Comente pelo Blogger
  • Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Diretrizes Curriculares Nacionais para o ensino médio em estudo Description: Rating: 5 Reviewed By: Jô Angel
Scroll to Top